Como montar equipamento para pesca de fundo.

Olá amigos

Nesta matéria vamos falar um pouco sobre uma das técnicas mais simples e mais usada em todos os pesqueiros. A pesca de fundo.

Hoje, 90% dos peixes atacam no fundo. Isso não quer dizer que se fisgue os mesmos peixes com bóia ou com a isca flutuando, mas a pescaria de fundo ainda nos trás ótimos resultados com quase todas as espécies.

O material é simples e a montagem do equipamento é mais simples ainda.

Passada a linha da carretilha/molinete pelos passadores da vara, coloque um chumbo solto na linha e amarre-a no girador do chicote/encastoado. O importante é deixar a chumbada solta na linha.

Muitos pescadores amarram a chumbada, de forma que ao atacar a isca, o peixe sinta a resistência do peso da chumbada e acaba soltando sua isca.

Com a chumbada solta, ao puxar a isca, o peixe não sentirá essa resistência pois a linha será puxada por dentro da chumbada e vc conseguirá fisgar o peixe mais facilmente.

O chicote/encastoado pode ser feito de várias maneiras. Eu prefiro usar um girador, linha mono 0,50mm e o anzol direto na linha.

Porém a maioria dos pescadores usam um cabo de aço para a confecção do chicote. A segurança em não se perder o peixe com o cabo de aço é bem maior, mas com o anzol direto na linha o peixe ataca bem mais.

Um boa opção é o fluorcarbono bem mais resistente do que as linhas mono.

Para a pesca geral em pesqueiros uso os chicotes de linha 0,50 ou cabo de aço de 10 a 15lb no máximo.

Mas para uma pescaria mais pesada onde temos por exemplo pirararas com mais de 20kg, aí sim uso um chicote de cabo de aço de 40lbs ou de linha 0,80mm.

Fonte: Pesca & Turismo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tulha no Face!